15
out
2019
1

QUEIMAR MAIS GORDURA DURANTE O EXERCÍCIO É IMPORTANTE PARA O EMAGRECIMENTO?

Por Dudu e @prof.raphaelcarvalho

Durante o exercício nosso organismo pode utilizar diferentes substratos para a produção de energia (fosfocreatina, carboidratos, gorduras e proteínas). Os principais utilizados são carboidratos e gorduras.

No exercício de baixa e moderada intensidade nosso corpo utiliza predominantemente gordura como fonte de energia, mas em intensidades mais elevadas a oxidação de ácidos graxos não consegue suprir rapidamente a grande demanda energética do músculo e o glicogênio muscular contribui de forma predominante.

Conforme aumenta a intensidade do exercício há elevação da atividade do sistema nervoso simpático, liberação de glucagon e catecolaminas que ao se ligarem aos seus receptores beta-2-adrenérgicos no músculo-esquelético aumenta a atividade da glicogênio fosforilase (enzima que quebra o glicogênio).

Como em exercícios de baixa e moderada intensidade não ocorre grande estimulação simpática, não há grande elevação da atividade da enzima glicogênio fosforilase, sendo assim, haverá maior utilização de glicose sanguínea e ácidos graxos livres (gorduras). Portanto, conforme a intensidade aumenta utilizamos menos gorduras e glicose do sangue e passamos a metabolizar mais glicogênio muscular. Mas, isso não quer dizer que treino de moderada intensidade é o que mais emagrece!!

O que impacta no emagrecimento é o treinamento promover alterações e adaptações fisiológicas que irão gerar o aumento da metabolização de gorduras (lipólise e oxidação) não apenas durante o exercício, mas sim, nas 24 horas do dia.

E isso pode ocorre quando há necessidade de se recuperar o glicogênio muscular, regenerar os músculos das microlesões e da necessidade de aumentar a síntese de actina e miosina.

A utilização de proteínas durante o treino aeróbio é pouco significativo, seu papel como fonte de energia é de apenas 5-10% nos exercícios de muita longa duração (~ 3 a 5 horas) em que não há reposição de carboidratos.

Se você esgota seus estoques de glicogênio muscular o exercício não pode ser mantido em alta intensidade, então o catabolismo de proteínas não irá aumentar significativamente e sim a oxidação de gorduras.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.